segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

A escova de dentes...

Um conto sobre aquela velha história do “o que é seu é meu”.



Quando se conheceram acharam, de cara, que tinham tudo á ver um com o outro. Logo após o primeiro encontro engataram um namoro que parecia, sob todos os aspectos, perfeito. Faziam tudo juntos, e não se separavam pra nada.
Algum tempo depois veio a idéia de morarem juntos. Olharam um apartamento, nada muito grande, aconchegante e moderno, bem a cara dos dois. Dividiram desde o aluguel do imóvel, a compra dos móveis, as contas de água, luz, telefone, supermercado. Dividiam a mesma cama, o mesmo encontro dos corpos e a saliva trocada em cada beijo. Dividiam a mesma gaveta de papeis, o mesmo banheiro, o mesmo espaço para colocar calças no guarda-roupa.
Então, resolveram que queriam mais. Não era suficiente só morarem juntos e dividirem as despesas, queriam oficializar a união, dividir o mesmo sobrenome. Casaram-se numa reunião intimista dividida com parentes e amigos. Optaram pela união com comunhão total de bens, afinal já dividiam tudo mesmo e sempre acreditavam que - “O que é seu é meu” - logo, não tiveram problemas. Compraram um apartamento maior pois logo dividiriam também a responsabilidade e a felicidade com os filhos que viriam. Resolveram trocar de carro e dividiam os dias da semana em que cada um ficava com ele. Dividiam o armário da academia, a paixão pelo time de futebol e até a conta bancária que passou a ser conjunta.
Num belo dia enquanto se arrumavam para trabalhar, a esposa procurou sua escova de dentes no banheiro, não localizando lançou mão da do marido que estava dentro da gaveta. Enquanto escovava os dentes saiu do banheiro e deu de cara com o esposo que também escovava os dentes com a escova dela. Não agüentaram o tranco. Aceitavam dividir tudo, mas a escova de dentes era demais. Não houve discussão, cada um pegou a sua e separam-se uma semana depois.

---------------------------------------------------------------
Postscriptum:

Caros Amigos, estou de férias! Merecidas diga-se de passagem!Então, um novo conto para vocês! Esse baseado numa história real que ouvi por aí. Continuo adorando as visitas por isso, espero que gostem, comentem, critiquem, elogiem...

Abraços com muitas saudades e carinho,

---------------------------------------------------------------
Trilha Sonora - O som que embalou este post:

Um par_(Los Hermanos_Rodrigo Amarante)


 Los Hermanos - Um Par






10 comentários:

Mariam disse...

Nossa! Esse negócio de dividir, temos que saber até onde vai, tudo tem que ter um limite, neh?! rsrs adorei..
Obrigada pela visita.. bjin t+

Georgia disse...

Eu nao gosto muito de dividir, eu prefiro somar, heheheheh!!!

Nao acredito que tenha sido a escova de dentes o motivo e eu tb sei lá porque motivo se casaram, pois a vida deles deveria ser um tédio.

Boas férias e volte!!!

Mony disse...

A vida tem dessas coisas mesmo....
tem q aprender a dividir medos e desejos .. e tb o coração..

beijos
Adorei

Sylvia ... Sylvita, Sylveth, Sylvinha ... disse...

ola!!! orbigada pela visita...eu sei que tem dias que vc passou por la...mas andei meio afastada do blog... por falta de tempo e por estar meio triste e sem inspiração...mas voltei!!! rsrsrs já tem coisa nova lá!!!

Então... vou linkar vc tb! EEEEE

Olha eu tb não ceito dividir escova de dente nao...é estranho, a gente aceitar beijar o outro mesmo depois de ter comido até uma cebola crua, mas usar a escova parece demais! nao entendo isso...mas sou assim tb HAHAHAH

BOAS FERIAS!!!


beijinhossss


sylvinha

Carla disse...

É... complicado mesmo esse lance de dividir... mas tudo tem limite, né... escova de dentes já é demais....rs...
Boas férias pra ti!!...
Bjs...

Booperfly disse...

Pena que terminou triste!
Estou esperando o novo conto!
Meu blog mudou de endereço...agora estou aqui:http://booperfly.fairy-tales.com.br/
Te espero lá.
Beijos,
Paulinha

Rico Soares disse...

Que trágico!
adorei o texto e seu blog tb.
interessante =D
conheça o meu quando puder (nao precisa comentar...)
www.acordacinderela.blogspot.com

muito de mim disse...

menina,adorei o conto!realmente tudo nessa vida é passivel de divisão mais escova de dentes nunca!!!

muito de mim disse...

postando denovo pra te fazer uma pergunta...rs
tens msn?orkut?como vc faz pra colocar as musicas aki no blog?

Cinara Lisboa disse...

Olá pessoal...

Estava de férias em Itacaré...Tô de volta e logo, logo...passo pra visitar todo mundo!

Obrigada pelos comentários e pelo carinho!

Abraços á todos!