domingo, 18 de janeiro de 2009

Pílulas da Bailarina...





Mais uma dose?!



Dia lindo. Domingo de sol, calor...Céu azul anil e uma vontade louca de estar em qualquer lugar onde eu possa sentir a brisa marítima vir de encontro a mim. Bom, o carnaval taí...Maravilha!


Este final de semana foi aniversário da mamãe e, como já é de 'praxe' estamos comemorando até agora. Sendo assim, as risadas foram o prato principal da festa, nem preciso dizer que não precisa de muita gente, basta que estejam as melhores pessoas do mundo, daí, tem jeito não, é riso para tudo quanto é lado e, como já diria Vinícius, é melhor ser alegre que ser triste... Alegria - de fato -é a melhor coisa que existe!


Este final de semana teve samba, ah meu samba...Tudo se transformou! E como transforma, e como passa o sofrer e como consola. E hoje tem mais porque eu sambo mesmo pela vontade de sambar! Sendo assim...Deixa a menina sambar em paz!


Lema. De tanto lançar sonhos no ar, acho que mereço um amor, com mais samba e menos lágrimas. De tanto jogar flores no mar, acho que mereço um amor, com as bençãos de Iemanjá. E não é que vai ser assim?! Mesmo que com muitas dúvidas e sem quase nenhuma certeza, sim, e vamos ver onde isso vai dar! Odoyá!


No mais...Já diria D.Ivonne, Se o caminho é meu, deixa eu caminhar, deixa eu...Se o caminho é meu, deixa eu caminhar!


--------------------------------------------------------------------

Trilha Sonora - A música que embalou este post:


# Imperfeito (Pato Fu_John)



 Pato Fu - Imperfeito

6 comentários:

Tiago Sânzio S. Pereira disse...

ótima pílulas! adorei as referências sambísticas...rs
Bom te ver ontem!
Samba teve bom né?

beijoo!!

Victor Hugo disse...

Bailarina, bailarina...Vais sambar ao sabor das ondas do mar?!

Seja feliz...

Amo, sempre!

IdéiAs nO LiqUidiFicaDor!!! disse...

Passamos aki para conhecer seu blog.
Adoramos, é lindo!

Fernando Augusto disse...

"adorei as referências sambísticas" 2

Ju disse...

Corção meu q tá longe, longe!!

Oh eu já descobri q saudade não mata, viu!! Essa coisa de morri de Saudade é pura poesia... se eu estou sobrevivendo a toda essa distância é pq saudade não mata!!!

Continuarei aki, coração, estou a procura de algo q eu ainda não achei e enquanto eu puder continuarei procurando!!!

Love u so, ever!!!

Geraldo Brito / Dado disse...

Pílulas da bailarina!
Muito interessante.